Prefeitura de Belo Horizonte adota serviço de emissão de fatura digital da Oi

Redação
abril23/ 2019

A Prefeitura de Belo Horizonte é a mais nova usuária do e-billing, serviço de emissão de fatura digital da Oi. Com isso, ela deixará de receber mensalmente 6.000 boletos de contas telefônicas em papel, que passam a ser emitidas digitalmente, contribuindo para a preservação do meio ambiente e eliminando a necessidade de espaço para o armazenamento das faturas. Para o diretor de Negócios Corporativos da Oi em Minas Gerais, Sérgio Túlio Lavarini, a adoção pela PBH da solução mostra o interesse do órgão em modernizar seus processos administrativos, tornando-os mais ágeis. Até então, a PBH recebia mensalmente as faturas telefônicas, que precisavam ser carimbadas e assinadas uma a uma. Hoje, basta apenas uma assinatura digital. A iniciativa do executivo municipal já foi adotada também pela prefeitura de Betim, na Região Metropolitana.

Edilson Artur Afonso, gerente da área de Telecomunicações da Prefeitura de Belo Horizonte, explica as razões que levaram a PBH a adotar a solução: “Detectamos a necessidade de otimizar o processo de conferência e atestamento das faturas. O Sistema e-billing trouxe, além da praticidade, maior confiabilidade e celeridade aos procedimentos necessários. Além do exposto, a decisão em adotar a funcionalidade trouxe economia, redução do tempo gasto e a dispensa de processos físicos e que tramitam internamente até seu arquivamento”.

Para o executivo, o e-billing da Oi vai contribuir para agilizar a administração das contas telefônicas da PBH: “Por se tratar de processo eletrônico – argumenta – os órgãos não são afetados por atrasos nas entrega das faturas por motivos alheios, como greves, feriados prolongados e outros que possam reduzir o tempo de tratamento das faturas até seu efetivo pagamento. Outro fator preponderante é destacar a celeridade dos processos e redução do tempo gasto”. Edilson Afonso termina acenando com a possibilidade de a solução ser adotada em todos os órgãos da PBH: “já foram realizados pilotos com outros órgãos para determinar o embasamento técnico para implantação. A meta é ter a adesão em 100% das faturas de telefone da prefeitura” .

Provedora de soluções digitais para o mercado B2B, a Oi encerrou 2018 com resultado expressivo no indicador de e-billing. A funcionalidade atingiu a marca de 74% de páginas das contas emitidas apenas no ambiente digital em dezembro do ano passado para o mercado de grandes empresas, o que resultou em um aumento de mais de 70% no comparativo com dezembro de 2017. De 2017 para 2018, a companhia economizou R$ 7,4 milhões com a impressão de faturas só para as grandes empresas. Cerca de 40 mil clientes já aderiram ao serviço de e-billing, passando a contar com uma ferramenta pela qual conseguem obter informações detalhadas e instantâneas sobre as contas, realizar buscas por filtro e incluir usuários com perfis de acesso diferenciados. Para 2019, a expectativa da operadora é de aumentar esse número em mais de 20%.

Apoiadores