Belo Horizonte apresenta oportunidades para o turismo de experiência

Redação
agosto31/ 2017

Duas amigas resolveram se unir para proporcionar novas experiências turísticas. A ideia, vinda da turismóloga Fernanda Maia, ganhou de prontidão a parceria da arquiteta especialista em gerência empresarial Betânia Monteiro. Juntas, há um ano, criaram a startup Experience Infinity, em Belo Horizonte, que foca apresentação de diferentes passeios e roteiros para quem quer fugir do tradicional.

São rotas em quatro estados: Minas Gerais, Bahia, Rio de Janeiro e Santa Catarina, que vão desde circuito gastronômico por Salvador até um piquenique na casa do mineiro Juscelino Kubitschek, em Belo Horizonte. A expectativa é que até o fim do ano, Paraná, Brasília, e os internacionais Portugal e Alemanha também estejam nos roteiros.  As experiências podem custar de R$ 70 a R$ 4.000, dependendo do local e do número de pessoas.

“Contamos com uma rede de fornecedores que nos apresentam muitos destinos, mas grande parte deles nós visitamos e conhecemos. Como foi o caso de uma fazenda de café, em que os donos nunca tiveram nenhum contato com turismo e hoje já oferecem tour”, explica Bethânia Monteiro.

A agência foi uma das selecionadas para participar da final do Desafio de Inovação Turismo Inteligente da Associação Brasileira de Operadoras de Turismo (Braztoa). Junto a startup Guyia – plataforma e aplicativo voltados ao público LGBT, que lista, de forma geolocalizada, oportunidades, roteiros e estabelecimentos voltados a esse público – ela foi uma das vencedoras da etapa Sudeste da disputa. Ao fim, das oito selecionadas, uma delas ganhará, além de viagens, oportunidade de estreitamento de laços com os operadores de agências de viagens no país.

O desafio de startups proposto pela Experiência Braztoa etapa Sudeste, reuniu cerca de 640 agentes de viagens e profissionais do turismo na capital mineira, na última semana, depois de ter passado por Recife, Curitiba e pelo resort Rio Quente, em Goiás. A região Sudeste representou R$ 970 milhões em venda de pacotes das operadoras, em 2016,  e transportaram 600 mil passageiros, que representaram e R$ 1,48 bilhões em impacto na economia brasileira, segundo dados do Anuário Braztoa 2017.

“Turismo é no Brasil inteiro. Temos que parar com essa ideia de polos específicos de Rio, São Paulo e Nordeste. Minas Gerais tem uma riqueza, assim como Belo Horizonte, que pode apresentar roteiros para uma semana, com atrativos únicos, que só têm aqui. Não à toa, trouxemos o Experiencia Braztoa para BH”, garante Magda Nassar, presidente da Braztoa.

A final e a premiação acontecerão durante a 45ª Abav Expo & 48º Encontro Comercial Braztoa, de 27 a 29 de Setembro, na área Futurismo, espaço de inovação onde também será realizado o Hackathon Viagens 2017, entre outras atividades. O evento da Braztoa em conjunto com a Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav), será em São Paulo.

Fonte: O Tempo

Apoiadores