Assinado acordo para aproximar criativos e investidores

Giuliano Le Senechal
junho02/ 2015

Duas entidades ligadas à inovação assinaram, na última semana, um acordo de cooperação para promover o estreitamento de relações entre incubadoras e parques tecnológicos com investidores. Os objetivos da parceria vão desde a realização de cursos de capacitação para mapeamento das perspectivas de investimentos vindos de companhias focadas em injetar capital em projetos e ideias novas até a promoção de eventos para encontro de empreendedores e “anjos”, como são chamados aqueles que aportam dinheiro em empresas de caráter inovador

Segundo Cassio Spina, presidente da Anjos do Brasil, a união entre a entidade por ele conduzida e a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) serve para fortalecer o desenvolvimento da inovação no País. “O acordo vem para unir dois elos fundamentais de todo o processo inovador, que são os parques tecnológicos e incubadoras de empresas, onde a inovação é gerada, ao capital empreendedor que a leva para o mercado”.

Já a presidente da Anprotec destaca que o acesso ao chamado capital semente – aporte inicial a ser destinado à empresas com projetos de grande potencial – ainda é um desafio. “Para facilitar essa conexão, realizaremos ações de fomento e capitalização de novas corporações com o objetivo de aproximá-las de fundos de capital semente. A ideia da parceria é unir esforços para estreitar as relações e aproximar investidores dos negócios inovadores apoiados por parques tecnológicos e incubadoras de todo o Brasil”, explica Francilene Garcia.

www.anprotec.org.br

http://www.anjosdobrasil.net

Apoiadores