Sedectes lança edital do programa Meu Primeiro Negócio

Redação
julho21/ 2017

 

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes), lançou o edital do programa Meu Primeiro Negócio, parte do Minas Digital.

A iniciativa é uma parceria com a Secretaria de Estado de Educação (SEE) e tem como objetivo promover a cultura empreendedora entre estudantes do ensino médio de escolas estaduais.

No Meu Primeiro Negócio, jovens estudantes vão poder experimentar práticas em negócios, economia, gestão e operacionalização de empresas. Serão 12 semanas com a companhia de monitores e voluntários (das áreas de marketing, finanças, recursos humanos e produção), que vão ajudar a ensinar conceitos como livre iniciativa, mercado, produção e comercialização.

Seleção

O edital vai selecionar até 62 escolas públicas. As atividades serão extracurriculares, no contraturno escolar. Cada escola contará com um projeto do programa, no qual até 40 alunos, de forma colaborativa, vão desenvolver um projeto de negócio durante as 12 semanas.

Metodologia

Para ensinar aos jovens a prática empreendedora, o programa conta com a parceria da Junior Achievement. O programa Meu Primeiro Negócio será baseado no método “aprender fazendo”,que pressupõe a interação dos conteúdos teóricos e práticos para promover uma educação experiencial.

Serão trabalhados quatro eixos: aprender a ser, aprender a conviver, aprender a fazer e aprender a aprender. Os estudantes vão passar pela idealização do negócio, pela operacionalização e também vão encerrar o empreendimento.

Inscrições

Diretores e professores que tenham interesse em levar o programa para suas escolas devem acessar o edital e a ficha de inscrição neste link. O prazo é até 4 de agosto. Se você é aluno e quer o programa na sua escola, fale com seus professores!

Resultados previstos

A expectativa é que o Programa atinja mais de 20 mil alunos mineiros e mobilize 2,6 mil professores e voluntários. Serão mais de 60 cidades beneficiadas e serão desenvolvidos 670 negócios. O Meu Primeiro Negócio vai atuar por mais de 140 mil horas, levando educação empreendedora pelo Estado.

Fonte: Simi

Apoiadores