Projeto de mestrando da UFMG sobre elaboração de indicadores de turismo recebe prêmio de inovação do Governo de Minas

Redação
dezembro16/ 2016

Projeto da Secretaria de Turismo de Minas Gerais (Setur) baseado em pesquisa de mestrado de Rafael Oliveira, aluno do Programa de Pós-graduação em Gestão e Organização do Conhecimento da UFMG, foi um dos contemplados pelo 1º Prêmio Inova Minas Gerais. Rafael Oliveira é orientado pela professora Renata Baracho.

A equipe da Setur ficou classificada em terceiro lugar na categoria Ideias Inovadoras Implementáveis (modalidade Inovação em processos organizacionais), com o projeto Utilização de dados extraídos do site TripAdvisor para elaboração de indicadores do turismo em Minas Gerais. Rafael Oliveira, que é diretor de Pesquisa, Informação e Estatística da Setur, já tivera seu estudo selecionado para exposição durante o 14º Fórum Global sobre Estatísticas em Turismo, realizado neste ano em Veneza, Itália.

O objetivo do prêmio, coordenado pela Subsecretaria de Gestão de Pessoas (Sugesp), é estimular o surgimento de ideias inovadoras e ações que tenham impacto positivo na prestação dos serviços públicos. Foram avaliados 187 trabalhos, por comissão composta de técnicos do governo estadual e pesquisadores da Fundação João Pinheiro.

Avaliação de destinos

O projeto premiado trata da possibilidade de construir indicadores para monitorar o desempenho do turismo em espaços turísticos de Minas Gerais utilizando dados extraídos da TripAdvisor, maior plataforma da internet dedicada à avaliação de destinos turísticos.

A equipe da Setur utilizou ferramenta de extração de dados gratuita para coletar informações da TripAdvisor, criando banco estruturado sobre atrativos turísticos de Minas. O objetivo é contribuir para a criação de indicadores de desempenho do turismo com base na opinião dos cidadãos e turistas. “Esse monitoramento poderá facilitar a implementação de políticas que visem aumentar o nível de satisfação dos visitantes, além de multiplicar as avaliações positivas dos atrativos na plataforma e, consequentemente, trazer mais visitantes a Minas Gerais”, comenta Rafael Oliveira.
Outras informações sobre os trabalhos vencedores estão disponíveis aqui.

Apoiadores