Inscrições abertas para o Lemonade 07BH

Redação
dezembro09/ 2016

Já pensou em como a tecnologia pode impactar na saúde e ajudar os profissionais dessa área? A inovação tem potencial para melhorar desde o gerenciamento logístico de clínicas e hospitais, até o desenvolvimento de tecnologias que auxiliem no diagnóstico e tratamento de doenças graves.  A sétima edição do programa tem foco nas soluções voltadas para saúde e bem-estar. Entre as subáreas envolvidas nessa temática estão sustentabilidade, engenharia biomédica, logística hospitalar, digital health, saúde animal e acessibilidade, mas ideias com outras abordagens também podem ser submetidas ao processo de seleção.

O Lemonade é um programa de pré-aceleração de startups que tem o objetivo de transformar ideias e tecnologias em negócios. Seis edições já foram rodadas em 4 cidades: Belo Horizonte, Uberlândia, Uberaba e Patos de Minas. Mais de 140 startups já passaram pelo programa. Durante as 10 semanas de trabalho, são ministradas mais de 300 horas de conteúdo, entre palestras e workshops. Mais de 100 mentores auxiliam os empreendedores individualmente, para que possam aprimorar os negócios. Eles são direcionados a cada uma das startups de acordo com sua expertise.

Os participantes do Lemonade podem receber até 200 mil reais entre investimento financeiro e benefícios. As quatro equipes que mais se destacarem durante o programa têm a possibilidade de passar 6 meses em aceleração na Techmall. O Lemonade é realizado pela Fundepar e co-realizado pelo Governo de Minas por meio do Simi – Sistema Mineiro de Inovação, Sebrae Minas, Techmall – aceleradora de startups, Fapemig e Eduqualis.

A sétima edição do Lemonade traz uma novidade. Além das duas etapas de trabalho definidas anteriormente, um terceiro módulo vem agregar ainda mais potencial às startups em pré-aceleração. Entre a fase 1, onde se trabalha na construção e validação do modelo de negócios, e a fase 3, sobre mercado, foram incluídas 2 semanas para o desenvolvimento de produto.

O processo de seleção das startups que participarão do Lemonade é dividido em duas etapas, sendo a primeira delas a avaliação da ficha de inscrição e a segunda, a avaliação presencial. As equipes devem ter no mínimo 2 integrantes e, no máximo, 5. Lembrando que a multidisciplinaridade dos integrantes agrega pontos na avaliação.

Os empreendedores interessados em participar do Lemonade devem ler atentamente o regulamento e preencher o formulário de inscrição, ambos disponíveis em lemonademg.com, até o dia 31 de dezembro.

Diferencial

O Lemonade alcança resultados incríveis através de uma metodologia inovadora. Durante as 10 semanas de trabalho intenso os empreendedores trabalham segundo a tríade learn, do & show. Os conteúdos são passados através de palestras e workshops onde as startups aprendem os conceitos necessários ao andamento do negócio. Depois, é hora de colocar a mão na massa e pôr em prática o conteúdo trabalhado. Para a avaliação semanal, cada uma das equipes deve fazer um pitch mostrando os resultados alcançados.

Cases

O trabalho é intenso, mas vale a pena. A LinCare, uma das finalistas da segunda edição do programa, foi selecionada para participar do Startup Chile, além de ser a vencedora do desafio Pfizer 2015. Outro destaque do Lemonade foi a Capta Money que, além de um faturamento acima da média ainda durante a pré-aceleração, foi selecionada para fazer parte do time de aceleradas do InovAtiva Brasil. O Lemonade se orgulha de todos os projetos que passaram por aqui!

 

Apoiadores