Guarda-sol permite recarregar aparelhos eletrônicos apenas com energia solar

Guarda-sol permite recarregar aparelhos eletrônicos apenas com energia solar
Redação
agosto13/ 2016

 

Em finais de semana ensolarados, muitas pessoas costumam ir a praias, piscinas e parques. Basicamente, buscam ficar ao ar livre e aproveitar o bom clima fora dos escritórios e da própria casa. Ainda que a proposta seja abstrair da rotina e se “desplugar” do cotidiano, o uso de dispositivos móveis é indispensável, inclusive por questão de segurança. Mas e quando a bateria acaba e, ao redor, não há tomadas? Alguém pensou no assunto e encontrou uma solução sustentável.

O empresário Roberto Ferreira, diante de tal questão, viu a oportunidade de ajudar quem precisa se manter conectado a smartphones e tablets mesmo nos momentos de lazer e aproveitou para trazer inovação tecnológica ao mercado. Desta necessidade nasceu a EcoBarraca, marca de guarda-sóis com um minissistema fotovoltaico capaz de recarregar dispositivos eletrônicos e qualquer outro gadget com interface USB. Elas foram pensadas e desenvolvidas para solucionar um dos problemas mais recorrentes na sociedade moderna: o da bateria descarregada.

A ideia da EcoBarraca surgiu após seu inventor ver uma foto no jornal O Globo, na qual havia uma imensidão de guarda-sóis na praia de Ipanema (RJ). “Após ver essa foto, percebemos a oportunidade e um potencial energético ainda inexplorado. Então, decidimos iniciar o desenvolvimento da solução para colocar no mercado. Em seguida – logo após a boa adesão por parte do setor corporativo – decidimos adaptar a loja também para pessoas físicas”, afirma Ferreira.

A EcoBarraca é um braço da EcoVertte, que está no mercado desde 2011 e é uma empresa que desenvolve soluções em energia renovável para o mercado de geração, conectividade e mobilidade urbana. Pouco tempo depois do seu lançamento oficial, a EcoBarraca já ganhou alguns prêmios como, por exemplo, o Prêmio O Globo Endeavor, FGV Jovem Empreendedor e o Prêmio Minha Ideia Muda o Mundo.

“Após inúmeros protótipos, testes, validações de modelos, chegamos ao produto final para iniciar as vendas para o mercado corporativo. Nossa primeira grande venda foi para a Oi Telecomunicações”, lembra Roberto. O produto, se utilizado em conjunto com uma bateria portátil, pode armazenar a energia gerada enquanto não está carregando celulares – o que possibilita a recarga no período da noite. “Os clientes estarão resolvendo o problema de falta de energia em seu dispositivo móvel, seja ela na rua, na montanha, na praia, além de ser um gadget inovador, exclusivo e que pode ser utilizada em diversas situações, pois o painel fotovoltaico (energia solar) da EcoBarraca é móvel, dando assim liberdade para o uso sem a necessidade de estar com o Guarda-Sol”, completa.

Fonte: Exame – http://exame.abril.com.br/

Apoiadores