Anima Lab é inaugurado em BH

Redação
março06/ 2017

Transformar a educação pelo viés da inovação nos processos, capacitar professores-mentores e estimular os alunos na construção do conhecimento. Esse é o desafio que começa a ganhar ainda mais fôlego a partir de agora no Grupo Anima. Foi inaugurado nesta quarta-feira (22/2) o Anima Lab, um laboratório voltado à cultura maker e à prototipagem. O espaço de 700 metros quadrados fica localizado em um prédio de dois andares no campus Estoril do Uni-BH.

Uma porta permite o acesso dos alunos ao espaço dentro da faculdade e uma escada voltada para a rua convida à participação da sociedade. Um espaço de acolhimento e um marco para o ensino do país, ressaltou Daniel Castanho, presidente do Grupo Anima.

Salas de aula com carteiras enfileiradas estão dando lugar às mesas redondas e espaços compartilhados de aprendizagem. Máquinas, robôs e muita tecnologia para descobrir, errar, aprender e prototipar. Assim foi pensado o novo espaço em BH.

Entre os presentes na cerimônia de lançamento estava o ex-coronel da Aeronáutica Ozires Silva, hoje membro do Conselho de Administração do Grupo Anima. Para ele, o local é o espaço para a construção do futuro. “Quem poderia imaginar que a tecnologia dos celulares estaria disponível hoje em escala mundial?”, questiona Ozires.

No entanto, ele ressalva que a educação foi a mola propulsora e transformadora de todos os países que são potências mundiais atualmente. “Um sábio só nasce em um lugar sábio”, completou o ex-coronel e fundador da Embraer, reafirmando que a educação é o único caminho para o Brasil. O espaço Anima Lab fica aberto todos os dias das 8h às 20h, e vai abrigar, entre outras ações, espaço de aceleração de startups. O edital será divulgado no dia 14 de março.

Fonte: Simi

Apoiadores