3 ideias de negócios para quem quer empreender na internet

Redação
março14/ 2018

Você já pensou em trabalhar em casa e se tornar dono de um negócio?

Ser o “seu próprio chefe” é o sonho de muita gente e, com a internet, isso está cada vez mais simples de ser alcançado. Sem muito esforço, é possível encontrar histórias inspiradoras de gente que conseguiu ter muito sucesso quando resolveu ir para o ambiente digital e transformou suas ideias em fonte de renda.   

E engana-se quem pensa que o empreendedorismo digital se trata apenas dos e-commerces e das lojas virtuais. Na internet há espaço de sobra para diferentes tipos de empreendimento: basta que você encontre um nicho estratégico e tenha um pouco de criatividade, organização e planejamento.

Caso você esteja precisando de alguma inspiração e de um empurrãozinho para começar a se aventurar no universo do empreendedorismo digital, separamos a seguir 3 ideias de negócios que você pode ter. Elas são todas relativamente simples e vão te ajudar a ter uma visão mais ampla das possibilidades que o ambiente virtual oferece.

Pronto para começar? Então continue lendo!    

Venda de produtos digitais – ou infoprodutos

Uma das formas mais comuns de ter um negócio na internet é por meio da venda de produtos digitais, ou infoprodutos. Muitas pessoas utilizam o ambiente digital para fins educacionais – como para aprender uma nova habilidade ou entender sobre um novo tema – e por causa disso, os infoprodutos tem se tornado tão populares. Afinal, eles são exatamente isso: conteúdo educativo de alta qualidade disponibilizado por produtores para a venda na internet.

Materiais como e-books, PDFs e vídeos são tipos comuns de infoprodutos e normalmente eles são vendidos de forma separada, por aula, tópico ou tema.

Nesse tipo de empreendimento, o investimento inicial é muito baixo, uma vez que a principal fonte dos materiais é seu conhecimento. Tudo que você precisa é de garantir que ele tenha uma formatação atrativa – seja com um design bonito ou um vídeo bem feito – e isso pode ser um desafio para quem não tem familiaridade com esse tipo de atividade.

Portal de cursos

Investir na criação de um portal ou canal de cursos também é uma excelente opção para quem quer começar a empreender no mundo digital. Com o mercado de trabalho cada vez mais disputado e a instabilidade econômica do país, muita gente tem buscado por formas rápidas e simples de se qualificar e se destacar perante à concorrência. Por isso, os cursos online têm sido cada vez mais procurados e se tornado mais populares. Principalmente os cursos livres, que não exigem experiência prévia e podem tratar sobre uma infinidade de assuntos, são um excelente investimento.

Esses cursos normalmente são oferecidos no formato de vídeo e podem ter diferentes níveis, desde o mais básico, até cursos avançados. Normalmente, a monetização nesses portais de cursos é feita por meio da venda dos conteúdos separados – por tema ou módulo. Porém, em alguns casos, principalmente quando há muito conteúdo disponível, a venda por assinatura, como em um Netflix, também pode ser indicada.

Nesses casos, o investimento inicial tende a ser um pouco maior, uma vez que você precisará tomar alguns cuidados a fim de garantir o sucesso do canal. Por exemplo, você precisará de um media center, de uma plataforma de distribuição segura e estável e de um sistema de pagamento confiável. Porém, felizmente hoje já existem ferramentas que podem cuidar de tudo isso tranquilamente, enquanto você foca apenas no conteúdo.

Blog de variedades

Você é especialista em um assunto ou tem facilidade para falar e ensinar sobre um tema específico? Então criar um blog pode ser a forma mais adequada para começar seu negócio digital.

Nesse caso, a ideia é que você disponibilize conteúdo grátis e de alta qualidade para as pessoas, sem que ele necessariamente esteja em formato de cursos ou aulas, que normalmente são mais longos e complexos. Você pode criar um blog para falar sobre culinária, moda, fazer críticas cinematográficas ou para tratar de qualquer outro assunto sobre o qual o público se interesse – e que você domine.

E se você está se perguntando como você vai ganhar dinheiro tendo um blog nesse formato, fique tranquilo, pois isso pode ser feito de diferentes formas. Você pode fazer artigos patrocinados, com indicações e reviews de produtos, pode inserir banners publicitários no espaço do blog e muito mais.

E o melhor é que, assim como no caso dos infoprodutos, ter um blog exige pouco investimento inicial, já que você pode criá-lo até mesmo em uma plataforma gratuita. Porém, aqui você vai precisar entender bastante sobre marketing digital e técnicas de SEO se quiser alcançar o sucesso e essa pode ser a parte mais custosa.    

É hora de colocar seu negócio no ar!

Agora que você já conheceu mais sobre alguns tipos de negócios e entende mais sobre as vantagens e desafios de cada um deles, é hora de realizar seus planos e colocar um empreendimento no ar.

E para que você faça isso, seguir algumas outras dicas pode ajudar:

  • Planeje-se. Estude sobre o tipo de negócio que pretende abrir, veja se ele é realmente o mais adequado para você e pense se ele será sustentável a longo prazo. Fazer um bom plano de negócios é essencial!
  • Segmente seu público. Querer fazer sucesso com todo mundo vai acabar fazendo com que você não tenha sucesso com ninguém. Então entenda sobre nichos de mercado e defina em qual deles o seu negócio vai atuar.
  • Entenda sobre marketing. Independente do tipo de negócio que você decidir abrir, uma boa estratégia de marketing é essencial, pois é ela que vai fazer com que as pessoas cheguem até sua empresa. Ter um plano de marketing é o primeiro passo!

Para entender mais sobre todos os processos que envolvem um negócio digital, nós também recomendamos que você dê uma olhada neste material aqui.

Pronto para começar? Então mãos à obra e bom empreendimento!

Artigo produzido pela equipe de conteúdo da Samba Tech.

Eleita a empresa mais inovadora da América Latina pela Fast Company, a Samba ajuda outras empresas a se comunicarem melhor utilizando vídeos online.

 

Apoiadores